La Notícia

Filho de Bolsonaro faz contra Bruna Marquezine o que pode prendê-la

O vereador do Rio de Janeiro, Carlos Bolsonaro (Republicanos) usou as suas redes sociais para anunciar que vai processar Bruna Marquezine e Felipe Neto por “calúnia”.

De acordo com a publicação do político, a atriz e o youtuber teriam cometido crimes contra o seu pai, Jair Bolsonaro (sem partido). No Instagram, Carlos escreveu o artigo 138 do Código Penal, que diz:

“Caluniar alguém, imputando-lhe falsamente fato definido como crime: Pena – detenção, de seis meses a dois anos e multa. § 1° – Na mesma pena incorre quem, sabendo falsa a imputação, a proposta ou divulga”. No entanto, ele não divulgou qual seria a falsa imputação.

Felipe Neto respondeu confirmando que o registro da queixa-crime ocorreu. “Carlos Bolsonaro abriu queixa-crime contra mim e @brunamarquezine por xingarmos o Presidente. Para divulgar a notícia, ele utilizou uma foto da Bruna nua, num trabalho de dramaturgia, com os seios cobertos por estrelinhas vermelhas, dando a ela uma conotação sexual de maneira rasteira, vergonhosa”, escreveu o youtuber em seu Twitter.

Leia também: Empresário que ajudou Jair Bolsonaro muda de lado: “Você será preso”; veja aqui

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.