La Notícia

Sócio de Luciano Huck: “não podemos parar por 5 mil pessoas que vão morrer”

O dono da rede de fast food Madero e sócio do apresentador da Globo Luciano Huck, Junior Durski, demonstrou desdenhar das vidas que serão perdidas pelo coronavírus.

Para ele, a paralisação vai trazer grandes prejuízos econômicos ao país:

Leia também: Angélica é demitida da Globo após 20 anos e é anunciado o que ela vai fazer; veja aqui

“Agora vão morrer 5 mil pessoas por coronavírus que nós não podemos evitar. Não tem como fechar tudo, se esconder do inimigo e não trabalhar”.

Segundo ele, “O Brasil não aguenta. As consequências que teremos economicamente no futuro vão ser bem maiores do que as pessoas que vão morrer agora com o coronavírus”.

Para ele, “não pode simplesmente os infectologistas decidirem que tem que todo mundo parar independente das consequências gravíssimas que o Brasil vai ter na sua economia”.

O empresário já tinha declarado anteriormente que está 100% alinhado com Bolsonaro, que também é contra a grande paralisação das lojas no Brasil.

A opinião bate de frente com a do ex-presidente Lula, que cobrado sobre o que pensava sobre a pandemia, declarou que “primeiro salvamos o povo, depois a economia.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Likes:
1 5
Categorias:
Sem categoria

Comentários