La Notícia

Ingrid Guimarães vai lucrar milhões demitida da Globo com novo trabalhinho

Ingrid Guimarães está dando um novo passo em sua carreira após encerrar uma parceria de 19 anos com a Globo. A atriz assinou uma parceria de exclusividade com o serviço de streaming Amazon Prime Video, cujas produções chegam a mais de 200 países. Lá, terá um salário altíssimo de lucrará milhões por ano, mais de R$ 10 milhões.

Seu contrato prevê que ela receberá também por desempenho. Quer dizer, quanto mais gente assistir suas produções, mais ela receberá.

Em uma entrevista para o Estadão, Ingrid se mostrou animada com a nova fase. “Estou me sentindo como aquela estudante que, depois de passar muitos anos na mesma escola, está ansiosa para começar em outra totalmente diferente”, revelou.

Leia também: Jair Bolsonaro dá chilique, ataca William Bonner e faz sugestão

A partir de agora, e pelos próximos três anos, a artista assumirá um cargo ainda pouco conhecido no entretenimento brasileiro: o de showrunner. Comum na TV americana, esse cargo acumula diversas funções, como administrar a criação, produção, roteiro, escolha de direção e elenco, entre outras. Assim como a atriz, o serviço de streaming também contratou Lázaro Ramos para a mesma função.

“São significativas a minha escolha e a de Lázaro para essa função, especialmente depois da morte de Paulo Gustavo”, falou a artista, lembrando do amigo e humorista que faleceu em maio deste ano por conta de complicações da Covid-19. 

De acordo com Ingrid, Paulo também já tinha acertado um projeto com a Amazon e a estimulava, que havia sido convidada, a aceitar a proposta. “Paulo tinha uma grande visão de mercado e, com os problemas enfrentados pelo cinema (tanto pela pandemia como pela ação maléfica do governo federal), ele sabia que o streaming era o caminho seguro a ser percorrido, onde haveria muitas oportunidades de realizações”, revelou a atriz.

Ainda durante a entrevista, a ex-global afirmou que pretende criar um novo programa, com a periodicidade ainda a ser definida.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Polêmicas
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments