La Notícia

Ator da Globo espanta com declaração: “não sei se é bom morrer”; leia aqui

O ator da Globo Marcos Oliveira preocupou com uma declaração que fez:

“Só saio pra ir ao mercado, fico em casa brincando de casinha, que é uma coisa insuportável. Tento fazer alguma coisa, mas a criatividade fica meio abalada, não consigo fazer nada, escrever nada. E só, é ficar vendo televisão, jornalismo. É uma [sensação de] insegurança geral, não sei quando vai acabar. Não sei se é bom morrer ou continuar nessa pandemia, entendeu?”, disse.

Leia também: Após demitir Bruna Marquezine, Globo confirma demissão em massa; veja os detalhes aqui

Leia também: Zeca Camargo é demitido da Globo e salário dele é revelado; veja o valor aqui

Marcos Oliveira é famoso por interpretar o personagem Beiçola em ‘A Grande Família’, programa que esteve no ar de 2001 a 2014.

Ele disse que hoje depende de amigos para não passar fome:

“Não acredito nessa coisa [de auxílio emergencial], até sair alguma coisa eu já morri de fome. Graças a Deus tenho amigos que me ajudam. Ajudam a pagar uma conta, pagar outra”.

Leia também: Luan Santana transou com Anitta, Marquezine e mais: “usamos camisinha”; veja aqui

Em seguida ele criticou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido): “A gente é lixo pra esse governo que tá aí. O objetivo do governo é acabar com pobre, preto, homossexual e artista. Tá claro, tá na própria estrutura de ministérios horrorosos. Mas não votaram e elegeram ele [Bolsonaro]? Agora a gente tem que aguentar a mediocridade, a burrice”.

A preocupação com sua declaração fica mais forte após o ator Flávio Migliaccio ter tirado a própria vida (veja aqui).

Ainda sobre o canal, vela ‘maconheiros da Globo’, uma lista que vazou com o nome de quem fuma na emissora; veja aqui

Me siga no Instagram para saber tudo que acontece antes de todo mundo. Veja aqui.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Tags:
Categorias:
Polêmicas