La Notícia

Jovens sequestram Menino Jesus de presépio e pedem resgate de R$ 11 mil

Reprodução

Uma escultura do menino Jesus que decorava um presépio em San Vicente del Raspeig, região de Alicante, na Espanha, foi alvo de criminosos durante a madrugada do último domingo (17/12). Os bandidos, além de levar a imagem religiosa, postaram um vídeo no TikTok exigindo um resgate no valor de 2 mil euros (cerca de R$ 11 mil).

Segundo informações da Cadena SER, os sequestradores também acusaram a polícia local de negligência no cuidado com o menino Jesus, o que teria facilitado o sequestro. No entanto, as autoridades agiram rapidamente e conseguiram identificar e prender os responsáveis pelo crime. Trata-se de jovens que residem na região.

O representante do governo espanhol em Alicante, Carlos Sánchez, classificou o ocorrido como “muito lamentável” e ressaltou a falta de graça no crime cometido. A comunidade local expressou indignação diante do episódio e espera que medidas sejam tomadas para evitar que casos semelhantes ocorram no futuro.

O sequestro da escultura do menino Jesus chama a atenção para a questão da segurança pública e do respeito aos símbolos religiosos. É importante que as autoridades estejam atentas e adotem medidas efetivas para garantir a proteção do patrimônio cultural e religioso, evitando assim ações criminosas como essa.

A repercussão do caso nas redes sociais demonstra a importância das novas plataformas digitais no cenário atual. O TikTok, por exemplo, foi utilizado pelos criminosos como meio de comunicação para exigir o resgate da imagem. Essa utilização das redes sociais por parte dos bandidos evidencia a necessidade de uma maior vigilância e controle sobre as atividades realizadas nesses espaços virtuais.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Polêmicas
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments