La Notícia

Globo é proibida por juiz de divulgar informação e faz declaração; leia aqui

A TV Globo foi vítima de censura prévia, prática proibida pela Constituição.

Sua afiliada no Rio Grande do Sul, a RBS, produziu uma reportagem sobre o recebimento ilegal do auxílio emergencial.

Umas das pessoas citadas na matéria entrou na Justiça pedindo a não exibição da reportagem.

Leia também: Fátima Bernardes fica chocada ao ouvir revelação de cantora ao vivo na Globo; veja aqui

O juiz Daniel da Silva Luz, da comarca de Espumoso, concedeu a liminar ilegal.

A TV Globo declarou que “a Constituição brasileira proíbe a censura prévia. A RBS-TV , que é afiliada da TV Globo, declarou que vai recorrer”.

Associações de imprensa repudiaram a decisão.

A prática era comum durante a ditadura militar e impedia que os veículos publicassem qualquer coisa que desagradasse alguém importante.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.