La Notícia

Em guerra com Bolsonaro, Globo teve o pior ano de sua história

A TV Globo registrou o pior ano de sua história neste 2020. Cheio de problemas e crises, o canal perdeu mais do que todos os outros.

As perdas começaram com seu famoso elenco fixo e exclusivo.

Grandes nomes como Renato Aragão, Zeca Camargo, Miguel Falabella, José de Abreu, Antonio Fagundes, Malvino Salvador e Vera Fischer foram demitidos e agora só voltam à Globo por contratos temporários.

Leia também: William Bonner se prepara para acontecimento na Globo; veja aqui

Mas não foi só isso. A emissora também levou a pior quando se fala em produtos perdidos.

Rainha absoluta no futebol, perderam um dos principais campeonatos esportivos da América: a Copa América.

Imaginaram que seu blefe daria certo, mas não contaram que o SBT se interessaria pela competição.

Agora pode ficar sem a Fórmula 1 pela primeira vez em quase 40 anos. A competição não quer sair da Globo, pois ela representa metade da audiência do esporte no mundo.

Perda de receitas

Por fim, o ano foi desastroso para o canal quando se fala em receitas publicitárias.

Com o mercado em crise, menos empresas anunciaram seus produtos na TV.

E neste ponto, a briga com Bolsonaro só piorou tudo^. Isto porque o presidente gastou mais no SBT e Record do que na Globo, mesmo ela tendo mais audiência que as outras juntas.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Polêmicas

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
3 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Agnaldo Teixeira

A globo “perdeu” seu melhor cliente. O PT!!

Melquisedequi Costa

Falou tudo!

Cruzeirense bicha é pleonasmo

É uma questão de opinião gostar do Bolsonaro ou não, mas só dele tocar o terror na Globosta, gosto muito.