La Notícia

Em guerra com Bolsonaro, Globo corta salário de William Bonner e valor é alto

Os altos salários dos grandes nomes do jornalismo brasileiro estão com os dias contados. A crise econômica não está permitindo que as emissoras se dêem ao luxo de manter muitas cifras nos salários.

Um exemplo é o Grupo Globo, que está reestruturando os seus pagamentos após notar que eles estavam extrapolando a sua margem de lucro. Os âncoras dos telejornais que sempre se mantiveram um regime PJ, agora tiveram as suas carteiras assinadas e o salário renegociado.

Urgente nesta segunda: Faustão é demitido da Globo e ele detona o canal: “ela faturou muito comigo”; veja tudo aqui

Em 2020, todos os jornalistas da Globo tiveram uma redução de 25%, por conta do programa Benefício Emergencial de Preservação (BEm), que acabou no primeiro dia do ano.

Não há informações oficiais sobre os salários dos principais jornalistas da emissora, no entanto, William Bonner que comanda o principal telejornal do canal, sendo também seu editor chefe, tinha o salário estimado entre R $700 mil e R$1 milhão mensal, antes da redução. Já Renata Vasconcellos receberia entre R$300 mil e R$500 mil.

Já os apresentadores do Fantástico, Tadeu Schmidt e Poliana Abritta, recebem cerca de R$200 mil mensais, de acordo com informações não oficiais.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
WEBBER!! jogando verdades

por isso a cada dia, esses empregados da globo querem a saida do bolsonaro,
estao perdendo renda.. afinal, o que importa e ter salario gordo, nao importa se a grana vem de impostos ou nao, o importante e meu bolso.

“Artistas ” canalhas,

e o tal de huck? programinha que explora a necessidade, e a pobreza do próximo…sim aquele narigudo que pediu dinheiro do bndes

Luiz Carlos

Não basta sermos roubados pela alta carga de impostos, ainda temos que dar dinheiro para essas empresas sangue-suga do dinheiro público. O pior é que a Globo ainda recebe seus 100 milhões e uns “quebrados” por força de uma lei criada antes da internet que força o governo federal a fazer publicidade estatal nas emissoras de TV. Mas todo império um dia cai e agora chegou a vez da Rede Globo. A mamata está acabando!