La Notícia

Ator da Globo confirma uso de drogas e sexo por papeis no canal

Em uma conversa com Maria Zilda Bethlem, Oscar Magrini revelou uma história um pouco controversa sobre a Globo.

O artista afirmou que ao ser apresentado à atriz Cleyde Yáconis, ela lhe disse que para entrar na Globo, ele teria que passar por um quartinho suspeito.

De acordo com Magrini, Cleyde afirmou: “Para entrar, você precisar participar do quartinho PC”.

Leia também: Apresentador da Globo Rodrigo Bocardi detona após ser humilhado ao vivo; veja o que aconteceu aqui

O ator então perguntou a ela quem seria PC. “É o quartinho do pó e do cu”, disse ela, que então lhe perguntou se ele cheirava ou dava o cu. Como Magrini não fazia nenhuma das duas coisas, Yáconis afirmou que ele não iria entrar (para a Globo).

Maria Zilda riu e concordou com a afirmação do ator. Magrini então disse que só foi trabalhar com Cleyde em 1992, e relembrou a conversa que aconteceu em 1988.

“Eu tenho o maior orgulho de ter trabalhado com ela, a mulher era fora de série. Eu não conheci Cacilda Becker, não tenho idade para isso. Mas aprendi muito com dona Cleyde Yáconis”, disse ele.

Confira o vídeo:

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Tags:
Categorias:
Polêmicas

Comentários