La Notícia

Em crise, Globo Minas enfrenta sua pior fase de todos os tempos

Enquanto nacionalmente a TV Globo segue líder de audiência isolada, nos estados a situação está bem diferente.

Várias afiliadas da emissora estão em estado de desespero para reverter a perda de liderança. Salvador, na Bahia, é uma das capitais com estado mais crítico.

Em BH

Já em Belo Horizonte, sede da Globo Minas, a situação também não está nada fácil. A emissora enfrenta crise de audiência e perda de grandes nomes.

Leia também: Bolsonaro vaza salário de Bonner na Globo e faz grave acusação; veja aqui

Nos últimos meses, por exemplo, fomos surpreendidos com notícias de que vários jornalistas da Globo Minas estavam deixando a emissora por vontade própria.

Vivian Santos, que apresentava o MG2 e estava no canal há 20 anos, se demitiu para trabalhar como psicoterapeuta.

Pouco tempo depois saiu Gislaine Ferreira, que quer concentrar sua carreira nas redes sociais e viver como empreendedora e possivelmente, digital influencer.

No MG1, Aline Aguiar substituiu Isabela Scalabrini, que apresentava o jornal há anos e agora foi rebaixada ao cargo de repórter.

Em agosto, Globo Minas e Record TV Minas brigaram na web por causa de audiência.

Enquanto a emissora dos Marinho dizia que foi o único canal local a crescer em audiência no mês anterior, a do Bispo olhou o cenário de modo geral.

“Falar de crescimento nos últimos 30 dias é fácil, difícil é mostrar o crescimento consolidado na última década”, escreveu a Record.

Segundo o informe, enquanto a RecordTV Minas cresceu 68,5% nos últimos 10 anos, a Globo Minas teria perdido 34,2% de seu público.

No dia 1° de agosto, pela primeira vez na história a RecordTV Minas venceu a concorrente no horário de 7 às 18h.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Likes:
9 1
Categorias:
La BH

Comentários