La Notícia

Ex-pastora evangélica ganha R$ 40 mil vendendo fotos nua

Reprodução

A ex-pastora Ana Akiva, de 36 anos, está enfrentando uma nova fase em sua vida após anunciar seu afastamento da igreja para se dedicar à produção de conteúdo para as plataformas OnlyFans e Privacy. Com seu primeiro ensaio sem censura, a ex-pastora revelou ter faturado R$40 mil, conquistando um grande número de assinantes pagantes em suas páginas de conteúdo adulto.

As fotos sensuais foram produzidas durante uma viagem ao Caribe, por um fotógrafo encontrado por acaso. Ana teve a ideia de posar completamente nua em uma praia, sem nenhum tipo de censura. O resultado foi um sucesso e impulsionou sua carreira como modelo.

No entanto, essa mudança não foi bem recebida por todos. A ex-pastora tem sido alvo de críticas e comentários maldosos, chegando ao ponto de ter seu perfil oficial no Instagram derrubado após uma ação coordenada de haters. Determinada a não se deixar abalar, Ana abriu um novo perfil e continua lutando por sua carreira e pelos seus ideais.

Além disso, Ana Akiva revelou que essa transição também é motivada por sua luta contra relações abusivas. Ela alega ter presenciado casos graves envolvendo pastores que traem, usam drogas, aplicam golpes e até mesmo agrediram suas esposas. A ex-pastora não tem medo de expor essas situações e está determinada a quebrar o silêncio.

No entanto, as adversidades continuam. Antes de ter seu perfil desativado, Ana já havia recebido ameaças na internet e agora acredita que a censura que está sofrendo seja resultado de um complô liderado por pastores que temem serem expostos. Mesmo apelando da decisão junto ao Instagram, ela foi informada que sua conta está suspensa de forma definitiva.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments