La Notícia

França se consolida como uma das grandes forças do futebol

Historicamente, costumava-se apontar quatro grandes forças no futebol mundial: Brasil, Itália, Alemanha e Argentina. Embora essas quatro seleções, com tropeços aqui e ali, continuem no topo, um outro país está querendo seu espaço neste grupo: a França. Atuais campeões mundiais, os franceses chegaram a três finais de Copa do Mundo nas últimas seis edições – e ganharam duas. Será que, no Catar, eles conquistarão o tricampeonato? É o que torcedores e apostadores têm se perguntado. E se você tem um palpite, veja mais sobre Bet365 aqui.

Campeões em 1998 e em 2018, os franceses ainda foram vice em 2006, perdendo o título para a Itália, nos pênaltis. Além disso, neste período, eles entregaram ao mundo jogadores extremamente talentosos, como Zidane, Henry, Ribery, Thuram, Djorkaeff e, mais recentemente, Mbappé, Benzema e Pogba.

Em 2022, a França talvez seja a seleção com o maior número de grandes jogadores. Além dos três citados acima, o treinador Didier Deschamps ainda poderá contar com Lloris, Griezmann, Varane, Tchouaméni, Pavard, Camavinga, Kanté, entre tantos outros. Não à toa, os franceses são os atuais donos do mundo e defenderão o título no Catar.

Claro que outras equipes fortes estão na disputa, e nós, brasileiros, sabemos bem que favoritismo não ganha Copa. No entanto, só o fato de a França ser, novamente, apontada como favorita já mostra que o país está um patamar elevado, possivelmente no mesmo das quatro grandes seleções. Considerando o número de títulos mundiais, os franceses já igualaram a Argentina.

É claro que, no futebol, não apenas o número de títulos interessa, mas a França também cumpre com os outros pré-requisitos para sera reconhecida como uma das grandes forças do futebol mundial: revelar jogadores de alto nível em quantidade e ser temida pelos adversários.

Uma boa campanha no Catar poderá estabelecer, definitivamente, a França como uma das cinco grandes seleções. Além dela, as outras equipes apontadas como favoritas ao título em 2022 são: Brasil, Inglaterra, Alemanha, Espanha e Argentina. Portanto, a missão dos franceses não será nada fácil, mas eles certamente têm time para sonhar com o título.

Além disso, caso vença a Copa do Mundo, a França ampliará a hegemonia europeia na competição. Desde 2002, quando o Brasil levantou a taça, nenhuma seleção sul-americana conseguiu conquistar o título. Em 2006, a Itália foi a grande vitoriosa, seguida pela Espanha (2010), Alemanha (2014) e a própria França (2018). Mas, independentemente do que aconteça no Catar, a expectativa é de que tenhamos um dos Mundiais mais emocionantes e disputados dos últimos tempos. Com várias seleções na briga, quem vai ganhar é o torcedor, que poderá desfrutar de grandes espetáculos.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Esportes
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments